Voltar ao Topo

CDC - CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDORAcesse o Código de Defesa do Consumidor e verifique como a navegação entre os artigos é fácil, e também contém jurisprudência selecionada em seus artigos.

ACESSE AQUI
CCB/2002 - CÓDIGO CIVIL BRASILEIRO/2002Acesse o Código Civil Brasileiro de 2002 e verifique como a navegação entre os artigos é fácil, e também contém jurisprudência selecionada em seus artigos.

ACESSE AQUI
CLT - CONSOLIDAÇÃO DAS LEIS DO TRABALHOAcesse a CLT - Consolidação das Leis do Trabalho e verifique como a navegação entre os artigos é fácil, e também contém jurisprudência selecionada em seus artigos.

ACESSE AQUI
Jurisprudência de qualidadeÉ aquela rara manifestação judicial que vale a pena consultar, é aquela que tem aval da Constituição e tem compromisso com o cidadão e com as pessoas.
Jurisprudência de qualidadeÉ aquela que é fundamental na construção de uma ponte segura em direção a uma jurisdição e a uma advocacia de qualidade.
Jurisprudência de qualidadeÉ aquela que simplifica e dá vida a temas complexos e a jurisdição.
Jurisprudência de qualidadeÉ aquela que ajuda a qualificar o profissional e o futuro profissional do direito.
Jurisprudência de qualidadeÉ aquela capaz de receber o respeito das pessoas, do cidadão e das partes.
Aval da ConstituiçãoSem aval constitucional, não há tese jurídica, não há lei, não há normativo, não há obrigação de qualquer natureza que vincule legitimamente um cidadão.
Tutelagem estatalO cidadão e as pessoas são livres. «Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão/1789. Art. 1º - Os homens nascem e são livres e iguais em direitos. [...].»
Tutelagem estatalA tutelagem sobre as pessoas e sobre o cidadão não tem aval constitucional nem filosófico. Estados, governos, e principalmente a jurisdição prestam serviços, servem a sociedade, as pessoas e o cidadão.
O Estado e a prestação de serviço públicoA função primordial do estado, dos governos e da jurisdição é prestar serviços ao cidadão e as pessoas e não servir-se deles.
O Estado e a prestação de serviço públicoO conceito do Estado prestador de serviços nasceu com a Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão de 1789/França este compromisso com o cidadão não está na esfera de disposição de nenhum parlamento, governo ou jurisdição.
Princípio da legalidadeNinguém será obrigado a fazer ou deixar de fazer alguma coisa senão em virtude de lei (CF/88, art. 5º, II).
Princípio da legalidadeEntenda-se aqui, o sentido de «lei» como «lei material» e aval da Constituição e principalmente da cláusula mandato de que trata art. 1º, parágrafo único, da CF/88.
Princípio da legalidadePortanto, nenhum cidadão ou pessoa tem a obrigação de cumprir qualquer normativo, ou decisão judicial, sem o aval constitucional.
Constitucionalidade casuística.A constitucionalidade é fundamentalmente casuística, não milita qualquer presunção em favor de qualquer pronunciamento, seja, ele judicial, governamental, ou mesmo do Congresso.
Compromisso com a ConstituiçãoQuem demite-se do compromisso com a Constituição, não é Magistrado, não é Advogado, não é Promotor de Justiça, não é Delegado de Polícia, não é Servidor Público, não é Parlamentar, não é sequer cidadão.
PROMOÇÃOAdquira o Pacote LEGJUR de 1 ANO e GANHE:
2 meses adicionais se você já é cliente (14 meses)
1 mês adicional para novos clientes (13 meses)

LEGJUR.COM - Vade Mécum Digital
O seu Portal de Legislação, Jurisprudencia, Súmulas, Exame da Ordem, Livros Digitais e Notícias
www.legjur.com

Carregando...


Download Gratuito
Busca por Palavra Chave


PESQUISA AVANÇADA DE JURISPRUDÊNCIA
Busca por Palavra Chave

Pesquisa por palavra chave



Busca por campos específicos

Pesquise número da jurisprudência

Pesquise Nome do Relator

Pesquise Número Doc. LEGJUR

Busca por artigo da Legislação
-


deposito judicial

652 Documentos Encontrados

Operador de busca: Palavras combinadas

Ordenar por:

Decreto nº 7169/2010 <- Veja Legislação relacionada a pesquisa.

Imprimir pagina Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter Adicione o LEGJUR nos Favoritos Compartilhe no Google+

(DOC. LEGJUR 103.1674.7384.4100)

1 - STJ. Prisão civil. Penhora. Depósito judicial. Empregado da empresa executada. Imposição de encargo de depósito judicial. Impossibilidade. Constrangimento ilegal caracterizado. CPC, art. 904, parágrafo único.

«O encargo de depositário de sociedade comercial não pode ser exercido por empregado subalterno, sem registro na CTPS, sem procuração para representar a empresa e que, por total inexperiência, deixou de requerer judicialmente a sua liberação do «munus» público do depósito. Configura constrangimento ilegal ordem de prisão do paciente nessas circunstâncias.»

Referência(s):
Prisão civil (Jurisprudência)
Penhora (Jurisprudência)
Depósito judicial (Jurisprudência)
Empregado da empresa executada (v. Depósito judicial) (Jurisprudência)
CPC, art. 904, parágrafo único
Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7162.4000)

2 - STJ. Depósito judicial. Correção monetária. Determinação judicial. (Nossa Caixa Nosso Banco).

«Não fere direito líquido e certo do banco depositário a ordem judicial que determina a restituição do depósito atualizado de acordo com índices definidos no processo. Precedentes.»

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7361.9600)

3 - STJ. Tributário. Depósito judicial. Pretensão de levantamento dos juros compensatórios do depósito judicial convertido em renda a favor da União. Inadmissibilidade. CTN, art. 151, II. Lei 9.779/99, art. 17.

«Os eventuais juros compensatórios derivados de supostas aplicações do dinheiro depositado a título de depósito na forma do inc. II do art. 151 do CTN não pertencem aos contribuintes-depositantes. A Lei 9.779/99 como as alterações da Med. Prov. 2.113-28/2001, refere-se aos juros moratórios suportados pelos próprios contribuintes. A isenção dos acréscimos legais previstos pela lei 9.779/99 não influi na questão relativa aos juros compensatórios. Obediência ao princípio da le... (Continua)

Referência(s):
Tributário (Jurisprudência)
Depósito judicial (v. Tributário) (Jurisprudência)
Juros (Jurisprudência)
CTN, art. 151, II
Lei 9.779/99, art. 17 (Legislação)
Opções

(DOC. LEGJUR 142.5854.9009.8600)

4 - TST. Recurso de revista. Depósito recursal. Ação de reparação proposta por herdeiros do empregado falecido. Depósito judicial. Súmula 426 de TST

«Não há relação de emprego entre os envolvidos em ação de indenização proposta pelos herdeiros do empregado falecido em acidente de trabalho, em face do empregador, buscando, em nome próprio, reparação pelos danos morais e materiais decorrentes do infortúnio. Assim, por não se tratar de lide que versa acerca de relação de trabalho submetida ao regime do FGTS, considera-se regular o depósito recursal efetuado por meio de depósito judicial, realizado na sede o juízo. ... (Continua)

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7442.4200)

5 - STJ. Tributário. Depósito judicial. Levantamento após o trânsito em julgado ou a qualquer. Depósito pagamento e depósito garantia. Distinção. Considerações da Minª. Eliana Calmon sobre o tema. Precedentes do STJ. CTN, arts. 151, II e 156, VI. Lei 6.830/80, art. 32, § 2º.

«.... Em primeiro lugar, advirto que no presente feito não há controvérsia especificamente quanto à possibilidade do levantamento do depósito antes do trânsito em julgado, mas tão-somente quanto à possibilidade do levantamento após a improcedência da ação, em face da facultatividade do depósito. No julgamento do REsp 99.238-PE, tive oportunidade de expor meu entendimento sobre a problemática envolvendo o levantamento de depósitos em ações que têm como fim desonera... (Continua)

Referência(s):
Tributário (Jurisprudência)
Depósito judicial (v. Tributário) (Jurisprudência)
Levantamento do depósito (v. Tributário) (Jurisprudência)
CTN, art. 151, II
CTN, art. 156, VI
Lei 6.830/80, art. 32, § 2º (Legislação)
Opções

(DOC. LEGJUR 134.6001.7000.6800)

6 - STJ. Embargos de divergência. Depósito judicial. Diferenças de correção monetária. Responsabilidade. Banco depositário. Ajuizamento de ação autônoma para cobrança. Desnecessidade. Pedido apreciado nos próprios autos em que efetuado o depósito.

«1. A responsabilidade pela atualização monetária de valores em depósito judicial é da instituição financeira onde o numerário foi depositado, sendo desnecessário, para tal finalidade, o ajuizamento de nova demanda (Súmulas 179 e 271 do STJ). 2. O pedido de atualização monetária deve ser dirigido à instituição financeira no processo em que realizado o depósito judicial, não havendo ilegitimidade passiva ad causam da parte adversa, uma vez que a pretensão não é ... (Continua)

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7384.0600)

7 - STJ. Depósito judicial. Correção monetária. CEF. O depósito judicial deve ser devolvido com correção que reflita a desvalorização da moeda.

«... apenas houve a reiteração da jurisprudência deste Tribunal, ao deferir a inflação realmente ocorrida para a atualização dos débitos, como tem sido ordinariamente decidido também quanto aos créditos da CEF, atribuindo-se essa responsabilidade de correção dos depósitos à entidade que foi nomeada depositária, atuando como auxiliar do juízo. Por essa razão, o pagamento independe de novo procedimento, uma vez que se cuida apenas de restituir, devidamente corrigido, o que foi... (Continua)

Referência(s):
Depósito judicial (Jurisprudência)
Correção monetária (Jurisprudência)
Opções

(DOC. LEGJUR 142.5853.8020.8500)

8 - TST. Deserção. Depóstio recursal. Guia destinada a depósito judicial trabalhista. «depósito recursal. Utilização da guia gfip. Obrigatoriedade.

«Nos dissídios individuais o depósito recursal será efetivado mediante a utilização da Guia de Recolhimento do FGTS e Informações à Previdência Social. GFIP, nos termos dos §§ 4º e 5º do art. 899 da CLT, admitido o depósito judicial, realizado na sede do juízo e à disposição deste, na hipótese de relação de trabalho não submetida ao regime do FGTS». Recurso de Revista de que se conhece e a que se dá provimento.»

Opções

(DOC. LEGJUR 142.5853.8014.3100)

9 - TST. Recurso de revista. Deserção do recurso ordinário. Depósito recursal efetuado em guia destinada a depósito judicial trabalhista. Utilização da guia gfip. Obrigatoriedade.

«Nos termos da Súmula 426/TST, «nos dissídios individuais o depósito recursal será efetivado mediante a utilização da guia de Recolhimento do FGTS e Informações à Previdência Social. GFIP, nos termos dos §§ 4.º e 5.º do art. 899 da CLT, admitido o depósito judicial, realizado na sede do juízo e à disposição deste, na hipótese de relação de trabalho não submetida ao regime do FGTS». Recurso de revista não conhecido.»

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7059.1300)

10 - STJ. Depósito. Depósito judicial. Cobrança de IOF. Proibição determinada pelo Juiz com relação aos depósitos sob a sua tutela. Licitude.

«O magistrado responsável pela administração dos depósitos confiados ao seu Juízo, apenas mantidos fisicamente na instituição financeira, tem poder de disciplinar a tramitação daqueles valores, do depósito até o seu levantamento. Recurso ordinário desprovido.»

Opções

(DOC. LEGJUR 136.7681.6001.7600)

11 - TRT 3 Região. Depósito recursal. Recurso ordinário. Empresa em recuperação judicial. Obrigatoriedade da comprovação de depósito recursal e custas. Deserção.

«O depósito recursal, além de constituir requisito extrínseco do recurso, tem a função de garantir o juízo para efeito de execução, razão pela qual a reclamada, empregadora, ao recorrer, ainda que se trate de empresa em recuperação judicial, deve efetuar e comprovar que o fez no prazo para interposição do recurso ordinário, bem como demonstrar o pagamento das custas processuais. Destarte, por não ter realizado e comprovado tais recolhimentos no prazo, tem-se como não satisfei... (Continua)

Opções

(DOC. LEGJUR 142.5854.9020.0300)

12 - TST. Recurso de revista. Ação de cobrança de contribuição sindical. Depósito recursal efetuado em guia destinada a depósito judicial trabalhista. Validade. Deserção do recurso ordinário não configurada.

«1. Hipótese em que o Tribunal regional não conheceu do recurso ordinário da empresa por entender que «a guia juntada aos autos é inválida à comprovação do preparo recursal-. 2. Trata-se, o presente feito de ação de cobrança de contribuição sindical movida pelo sindicato profissional contra a empregadora, não havendo falar, pois, em relação de emprego. 3. Pacífico nesta Corte Superior o entendimento de que, nas hipóteses de relação de trabalho não su... (Continua)

Opções

(DOC. LEGJUR 136.7681.6001.7500)

13 - TRT 3 Região. Depósito recursal. Custas. Recuperação judicial. Empresa em recuperação judicial. Deserção.

«Embora o reclamado esteja submetido ao procedimento de recuperação judicial, tal fato não o isenta do recolhimento das custas e do depósito recursal em face da ausência de previsão legal nesse sentido. A Súmula 86 do TST apenas se aplica às empresas que tiveram a sua falência decretada judicialmente, não sendo esta a hipótese dos autos.»

Opções

(DOC. LEGJUR 137.9861.9002.4300)

14 - TST. Recurso de embargos regido pela Lei 11.496/2007. Ogmo. Recurso ordinário. Deserção. Depósito recursal realizado fora da conta vinculada do fgts. Utilização da guia de depósito judicial trabalhista. Súmula 426 do TST.

«É incontroverso que o reclamado, ao efetuar o depósito para a garantia do juízo do recurso ordinário, utilizou-se de guia para depósito judicial trabalhista e não da guia GFIP. A discussão em torno da obrigatoriedade da guia GFIP para recolhimento do depósito recursal foi pacificada pela Súmula 426 do TST, editada em decorrência do julgamento do processo TST-IUJ-E-ED-RR-91700-09.2006.5.18.0006, nos seguintes termos:. Nos dissídios individuais o depósito recursal será ... (Continua)

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7257.9500)

15 - STJ. Depósito judicial. «Habeas corpus». Depósito. Alienação antecipada. Não entrega do produto da venda ao Juízo da execução. Prisão civil. Cabimento.

«Não há ilegalidade na ordem de prisão do devedor que não entrega o produto da venda antecipada dos bens penhorados (CPC, art. 670) ao Juízo da execução, descumprindo decisão judicial, contribuindo para a frustração da execução e menosprezando os seus deveres de depositário judicial

Opções

(DOC. LEGJUR 103.2110.5041.7500)

16 - STJ. Correção monetária. Depósito bancário realizado em 1942 por ordem judicial, no interesse de herdeiro menor de idade e requerido em 1993. Correção deferida desde a data do depósito.

«O depósito bancário, realizado por ordem judicial, no interesse de herdeiro menor de idade, deve, alcançada a maioridade deste, ser devolvido com correção monetária, ainda que essa cláusula não tenha sido explicitada pelo Juiz.»

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7288.0500)

17 - STJ. Correção monetária. Depósito bancário realizado em 1942 por ordem judicial, no interesse de herdeiro menor de idade e requerido em 1993. Correção deferida desde a data do depósito.

«O depósito bancário, realizado por ordem judicial, no interesse de herdeiro menor de idade, deve, alcançada a maioridade deste, ser devolvido com correção monetária, ainda que essa cláusula não tenha sido explicitada pelo Juiz.»

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7052.0500)

18 - TRF 4 Região. Medida cautelar. Depósito judicial. Suspensão da exigibilidade do crédito tributário.

«O depósito judicial previsto no art. 151, II do CTN, independe de provimento judicial mas, processada a ação cautelar para esse efeito, deve-se aproveitar a sentença que o autorizou.»

Opções
ÍNTEGRA NÃO DISPONÍVEL - EMENTA P/CITAÇÃO - INDICAR - ADICIONAR FAVORITO

(DOC. LEGJUR 103.1674.7164.4600)

19 - STJ. Depósito judicial. Depositário judicial. Vinculação administrativa ao Juízo. Desnecessidade de ação direta da parte contra o depositário para discutir os índices de reajuste dos depósitos. Súmula 179/STJ.

«A vinculação entre o Juízo e o banco conveniado como depositário judicial de valores é de natureza preponderantemente administrativa e regida pelas normas do convênio, de sorte a evidenciar-se a impertinência da pretensão do depositário no sentido de que seja manejada ação própria, pela parte, para discutir os índices de correção monetária do depósito judicial

Referência(s):
Depósito judicial (Jurisprudência)
Depositário judicial (Jurisprudência)
Vinculação administrativa ao Juízo (v. Depósito judicial) (Jurisprudência)
Súmula 179/STJ (Depósito judicial. Correção monetária. Banco. Instituição financeira. Súmula 271/STJ. CCB, art. 1.266).
Opções

(DOC. LEGJUR 136.9464.9007.9900)

20 - TJSP. Prazo. Ação de reintegração de posse em contrato de arrendamento mercantil. Depósito judicial realizado no prazo para REsposta. Remessa dos autos à contadoria judicial. Concessão de prazo para complementação do depósito. Possibilidade. Ausência de conduta desleal ou procrastinatória do devedor, que realizou o depósito, após a citação, das parcelas vencidas indicadas pela credora na inicial. Purgação da mora que prescinde do depósito das parcelas vincendas. Decisão mantida. Recurso improvido.

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7169.8400)

21 - STJ. Depósito judicial. Dinheiro. Banco.

«O depositário judicial deve, assim como ocorre no depósito convencional, zelar para que o bem não se deprecie. Tratando-se de dinheiro, haverá o banco de diligenciar seja resguardado da desvalorização.»

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7275.9200)

22 - STJ. Mandado de segurança. Depósito judicial. Correção monetária. Concordata.

«A jurisprudência do STJ admite que o Juiz determine à instituição financeira, nos próprios autos em que efetuado o depósito, que sejam incluídos na importância depositada valores correspondentes aos índices legais de atualização monetária. O estabelecimento bancário que recebe dinheiro em depósito judicial é responsável pelo pagamento da correção monetária, nos termos da Súmula 179/STJ, o que afasta o «fumus boni iuris».»

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7115.0500)

23 - 2 TACSP. Depósito judicial. Controvérsia entre depositante e depositário. Resolução nos próprios autos. Inadmissibilidade.

«O Juiz não pode impor critérios que entende adequados na remuneração de depósito judicial feito em banco. A discordância da parte pode constituir um litígio entre ela e a instituição financeira, a ser decidida em processo próprio diverso daquele em que foi feito o depósito

Opções
ÍNTEGRA NÃO DISPONÍVEL - EMENTA P/CITAÇÃO - INDICAR - ADICIONAR FAVORITO

(DOC. LEGJUR 103.1674.7515.2100)

24 - STJ. Tributário. Depósito judicial para suspensão da exigibilidade do crédito tributário. Extinção do processo sem julgamento de mérito. Conversão do depósito em renda. Precedentes do STJ. CTN, art. 151, II.

«Com a extinção do processo sem resolução de mérito, o depósito do montante integral realizado pelo contribuinte nos termos do art. 151, II, do CTN para suspender a exigibilidade do crédito tributário deve ser convertido em renda da Fazenda Pública. Precedentes da Primeira Seção e de ambas as Turmas de Direito Público.»

Referência(s):
Tributário (Jurisprudência)
Depósito judicial (v. Tributário) (Jurisprudência)
Crédito tributário (v. Tributário) (Jurisprudência)
Extinção do processo (Jurisprudência)
Conversão do depósito em renda (v. Tributário) (Jurisprudência)
CTN, art. 151, II
Opções

(DOC. LEGJUR 142.1281.8000.7100)

25 - TST. Recurso de revista. Deserção. Recurso ordinário. Depósito efetuado em guia para depósito judicial trabalhista (guia sefip). Não configuração.

«A guia SEFIP juntada aos autos quando da interposição do recurso ordinário serve à comprovação do depósito recursal, uma vez que se trata de guia GFIP emitida eletronicamente, na forma da Instrução Normativa 26/2004. Assim, afasta-se a deserção declarada, determinando-se o retorno dos autos ao Tribunal Regional para análise do recurso ordinário interposto pela segunda reclamada. Recurso de revista conhecido e provido.»

Opções

(DOC. LEGJUR 142.1281.8000.6900)

26 - TST. Recurso de revista. Rito sumaríssimo. Deserção. Recurso ordinário. Depósito efetuado em guia para depósito judicial trabalhista (guia sefip). Não configuração.

«A guia SEFIP juntada aos autos quando da interposição do recurso ordinário serve à comprovação do depósito recursal, uma vez que se trata de guia GFIP emitida eletronicamente, na forma da Instrução Normativa 26/2004. Assim, afasta-se a deserção declarada, determinando-se o retorno dos autos ao Tribunal Regional para análise do recurso ordinário interposto. Recurso de revista conhecido e provido.»

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7421.1600)

27 - STJ. Tributário. Depósito judicial. Levantamento após o trânsito em julgado. Exceção para as hipóteses de liminar em mandado de segurança, onde o depósito é mera faculdade do contribuinte. Precedentes do STJ. CTN, arts. 151, II e 156, VI. Lei 6.830/80, art. 32, § 2º.

«Os depósitos cautelares relacionados com as ações ordinárias para suspensão da exigibilidade dos créditos tributários só podem ser levantados após o trânsito em julgado. Quando a suspensividade decorre de liminar em mandado de segurança, sendo o depósito mera faculdade do contribuinte, o levantamento pode ser autorizado a qualquer tempo. Hipótese em que o depósito foi feito em função de ação ordinária.»

Referência(s):
Tributário (Jurisprudência)
Depósito judicial (v. Tributário) (Jurisprudência)
Levantamento do depósito (v. Tributário) (Jurisprudência)
Liminar (Jurisprudência)
Mandado de segurança (Jurisprudência)
CTN, art. 151, II
CTN, art. 156, VI
Lei 6.830/80, art. 32, § 2º (Legislação)
Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7016.7600)

28 - TAMG. Advogado. Mandato. Depósito judicial. Retenção. Inadmissibilidade. CCB, art. 1.301.

«Viola o art. 1.301 do CCB o advogado que retém depósito judicial pertencente ao cliente, alegando tratar-se de crédito relativo a honorários contratados, visto que tal hipótese não elide o dever legal da prestação de contas relativas ao mandato.»

Opções
ÍNTEGRA NÃO DISPONÍVEL - EMENTA P/CITAÇÃO - INDICAR - ADICIONAR FAVORITO

(DOC. LEGJUR 104.8144.5000.2600)

29 - STJ. Depósito judicial. Caixa Econômica Federal - CEF. Estorno de juros indevidamente creditados. Prévia autorização judicial. Necessidade. Decisão judicial que encampou o estorno realizado. Suficiência. Súmula 257/TFR. Lei 9.289/96, art. 11. Dec.-lei 1.737/79, art. 1º.

«1. A instituição financeira depositária não pode efetuar, sponte propria, estornos ou retiradas de qualquer natureza do montante depositado judicialmente sem autorização prévia do juízo da causa, ainda que se tratem de juros indevidamente creditados. 2. A Lei 9.289/96, o Decreto-Lei 1.737/79 e a Súmula 257/TFR afastam a incidência de juros sobre os depósitos judiciais efetuados junto à Caixa Econômica Federal: «Art. 11 - Os depósitos de pedr... (Continua)

Referência(s):
Depósito judicial (Jurisprudência)
Caixa Econômica Federal – CEF (v. Depósito judicial) (Jurisprudência)
Estorno (v. Juros) (Jurisprudência)
Juros (Jurisprudência)
Súmula 257/TFR (Depósito judicial. Juros. Hipóteses em que não são devidos. Dec.-lei 759/69, art. 16. Dec.-lei 1.737/79, art. 3º. Dec. 81.171/78, art. 7º, II).
Lei 9.289/96, art. 11 (Legislação)
Dec.-lei 1.737/79, art. 1º (Legislação)
Opções

(DOC. LEGJUR 103.2110.5049.8200)

30 - STJ. Depósito judicial. Embargos de terceiro. Arresto de 10.000 sacas de sorgo. Perecimento iminente. Liberação dos bens mediante caução. Posterior inidoneidade da garantia. Circunstância que não justifica a prisão civil por infidelidade no depósito.

«Deferida ao autor de embargos de terceiro tutela liminar com a prestação de caução, estava ele, na qualidade de possuidor, autorizado a dispor do bem. O reconhecimento posterior de inidoneidade da garantia não justifica a prisão civil por infidelidade no depósito

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7302.2400)

31 - STJ. Depósito judicial. Embargos de terceiro. Arresto de 10.000 sacas de sorgo. Perecimento iminente. Liberação dos bens mediante caução. Posterior inidoneidade da garantia. Circunstância que não justifica a prisão civil por infidelidade no depósito.

«Deferida ao autor de embargos de terceiro tutela liminar com a prestação de caução, estava ele, na qualidade de possuidor, autorizado a dispor do bem. O reconhecimento posterior de inidoneidade da garantia não justifica a prisão civil por infidelidade no depósito

Opções

(DOC. LEGJUR 142.6032.6002.1100)

32 - STJ. Seguridade social. Agravo regimental no recurso especial. Previdência privada. Embargos à execução. Deposito judicial. Correção monetária. Juros moratórios. Precedentes. Improvimento.

«1.- O depósito judicial do valor em litígio impede a fluência de juros moratórios, sob pena de ocorrência de bis in idem, haja vista a instituição bancária em que realizado o depósito remunerar a quantia com juros e correção monetária. Precedentes do STJ. 2.- Agravo Regimental improvido.»

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7188.6300)

33 - 2 TACSP. Acidente de trabalho. Depósito judicial. Levantamento. Correção monetária.

«O levantamento dos depósitos judiciais deve ser feito com o cômputo dos juros e da correção monetária «pro rata die», o que deve ser observado com o fim de evitar prejuízo ao beneficiário do depósito efetivado pela autarquia, independente da data da conta e do tempo de permanência do depósito

Opções
ÍNTEGRA NÃO DISPONÍVEL - EMENTA P/CITAÇÃO - INDICAR - ADICIONAR FAVORITO

(DOC. LEGJUR 103.2110.5043.1900)

34 - STJ. Tributário. Depósito judicial. Natureza jurídica. Lei 8.541/92, arts. 7º e 8º. CTN, art. 43.

«Aquele que efetua depósito judicial para suspender a exigibilidade do crédito tributário dá aos valores entregues para disposição judicial destinação jurídica (CTN, art. 43). Legalidade da Lei 8.541/92, que proibiu expressamente a dedução dos depósitos do lucro real, sem violação ao art. 43 do CTN.»

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7290.2300)

35 - STJ. Tributário. Depósito judicial. Natureza jurídica. Lei 8.541/92, arts. 7º e 8º. CTN, art. 43.

«Aquele que efetua depósito judicial para suspender a exigibilidade do crédito tributário dá aos valores entregues para disposição judicial destinação jurídica (CTN, art. 43). Legalidade da Lei 8.541/92, que proibiu expressamente a dedução dos depósitos do lucro real, sem violação ao art. 43 do CTN.»

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7030.2500)

36 - STJ. Execução fiscal. Depósito judicial do tributo controvertido. Decisão que liberou parte dele à base de precedente do STF.

«O depósito previsto no art. 151, II, do CTN, é feito sob o regime de indisponibilidade, que na via judicial só cessa com o trânsito da sentença em julgado, sendo então devolvido ao autor, da ação ou convertido em renda da Fazenda Pública, conforme a demanda seja bem ou mal sucedida. Hipótese em que, antes da sentença final, foi liberada parte do depósito para o autor da ação.»

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7218.0600)

37 - 2 TACSP. Alienação fiduciária. Depósito judicial.

«O fiduciante que mantém a posse do bem alienado fiduciariamente ao fiduciário, por decisão judicial, equipara-se ao depositário judicial, a que se refere os arts. 148 e ss., do CPC, e somente com autorização do Juízo, poderá dispor ou transferir o bem.»

Opções
ÍNTEGRA NÃO DISPONÍVEL - EMENTA P/CITAÇÃO - INDICAR - ADICIONAR FAVORITO

(DOC. LEGJUR 103.1674.7462.6700)

38 - STJ. Depósito. Depositário judicial. Ação de depósito autônoma. Desnecessidade. Assunção expressa do encargo. Necessidade. Súmula 619/STF. Súmula 304/STJ. CPC, art. 666. CCB, art. 1.287. CF/88, art. 5º, LXVII.

«E, em se tratando de bens depositados por força de penhora, dispensa-se, nos termos da Súmula 619/STF, o ajuizamento da ação autônoma de depósito para decretação da prisão, exigindo-se, porém, que seja expressa a assunção do encargo pelo depositário (Súmula 304/STJ).»

Referência(s):
Depósito (Jurisprudência)
Depositário judicial (Jurisprudência)
Ação de depósito (v. Depósito) (Jurisprudência)
Súmula 619/STF (Depositário judicial. Prisão civil. Independência de ação de depósito. CF/88, art. 5º, LXVII. CCB, art. 1.287. CPC, arts. 666 e 901 (Revogada)).
Súmula 304/STJ (Prisão civil. Depositário judicial. Encargo não assumido expressamente. Inadmissibilidade. CF/88, art. 5º, LXVII).
CPC, art. 666
CCB, art. 1.287
CF/88, art. 5º, LXVII
Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7340.9100)

39 - TRF 1 Região. SFH. Suspensão da execução extrajudicial. Depósito judicial do valor incontroverso das parcelas. Precedentes jurisprudenciais do STJ sobre a matéria.

«De acordo com a jurisprudência majoritária do colendo STJ, pode o juiz, no exercício do poder geral de cautela, suspender a execução extrajudicial de crédito enquanto pendente de discussão judicial a exigibilidade do indigitado crédito, bem assim, autorizar o depósito judicial dos valores incontroversos das parcelas contratuais, até a definição do seu real valor.»

Referência(s):
SFH (Jurisprudência)
Execução (Jurisprudência)
Suspensão da execução (v. Execução) (Jurisprudência)
Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7034.0400)

40 - STJ. Depósito judicial. Lucro real. Dedução.

«Antes de o contribuinte ser derrotado na ação onde efetuou o depósito para suspender a exigibilidade do crédito tributário, ele ainda não pode deduzir o seu valor do lucro real.»

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7417.8100)

41 - TAMG. «Habeas corpus». Depósito judicial. Guarda e conservação da coisa. Força maior. Prova. Depositário infiel. Prisão civil. Ação de depósito. Desnecessidade. Denegação da ordem. CCB/2002, art. 642. Súmula 619/STF. CF/88, art. 5º, LXVII.

«O depositário judicial é auxiliar do juízo, devendo guardar e conservar o bem penhorado, cabendo-lhe, ainda, apresentar a coisa no juízo da execução quando lhe for ordenado. Assim, não constitui ilegalidade ou abuso de poder a decisão que decreta a prisão do depositário infiel que, regularmente intimado, deixa de apresentar os bens penhorados ou seu equivalente em dinheiro, desde que o auto de penhora tenha sido lavrado com observância das formalidades legais e ao executado se te... (Continua)

Referência(s):
«Habeas corpus» (Jurisprudência)
Depósito judicial (Jurisprudência)
Força maior (v. Depósito judicial) (Jurisprudência)
Depositário infiel (Jurisprudência)
Prisão civil (Jurisprudência)
Ação de depósito (Jurisprudência)
CCB/2002, art. 642
Súmula 619/STF (Depositário judicial. Prisão civil. Independência de ação de depósito. CF/88, art. 5º, LXVII. CCB, art. 1.287. CPC, arts. 666 e 901 (Revogada)).
CF/88, art. 5º, LXVII
Opções

(DOC. LEGJUR 142.5854.9016.2100)

42 - TST. Recurso de revista. Execução. Contribuição previdenciária. Parcelas salariais decorrentes de decisão judicial. Incidência de multa e juros de mora. Depósito judicial para garantia da execução.

«Nos casos de contribuições previdenciárias decorrentes de sentença trabalhista, o termo inicial dos juros e multa verifica-se no dia dois do mês seguinte ao do efetivo pagamento do débito, a teor artigo 276 do Decreto nº 3.048/99. Assim, somente haverá incidência de juros e multa se não for quitada a contribuição previdenciária a partir do dia dois do mês seguinte ao da liquidação da sentença, porquanto somente a partir daí é que haverá mora, pelo que não se há falar e... (Continua)

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7026.1000)

43 - STJ. Depósito judicial. Correção monetária.

«De acordo com a orientação da 3ª Turma do STJ «Tratando-se de depósito em dinheiro, o banco depositário haverá de diligenciar seja resguardado da desvalorização» (REsp 52.155). Quanto ao mês de jan/89, o índice a ser aplicado é o de 42,72%.»

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7472.9100)

44 - STJ. Execução. Embargos do devedor. Termo inicial do prazo para interposição. Fluência a partir do depósito judicial. Precedentes do STJ. CPC, art. 738, II.

«Efetuado o depósito judicial da quantia executada, conta-se a partir daí o prazo para oposição dos embargos do devedor.»

Referência(s):
Execução (Jurisprudência)
Embargos do devedor (Jurisprudência)
Termo inicial (v. Embargos do devedor) (Jurisprudência)
Depósito judicial (v. Execução) (Jurisprudência)
CPC, art. 738, II
Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7490.5400)

45 - STJ. Tributário. Depósito judicial. Correção monetária. Responsabilidade do banco depositário. Determinação ao banco para pagamento das diferenças. Decisão não impugnada. Preclusão. CPC, art. 471.

««In casu», incontroverso que o depósito restou efetuado no âmbito do mandado de segurança, a fim de suspender a exigibilidade do crédito tributário discutido, tendo o depositário judicial, confessadamente, aplicado índices de correção monetária atinentes aos depósitos administrativos. Ademais, o Juízo originário, ante a irresignação do depositante, determinou o pagamento das diferenças do levantamento do depósito judicial, decisão esta não impugnada pelo estabelecimento... (Continua)

Referência(s):
Tributário (Jurisprudência)
Depósito judicial (Jurisprudência)
Correção monetária (Jurisprudência)
Responsabilidade do banco (v. Depósito judicial) (Jurisprudência)
Preclusão (Jurisprudência)
CPC, art. 471
Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7490.8500)

46 - STJ. Tributário. Depósito judicial. Correção monetária. Responsabilidade do banco depositário. Determinação ao banco para pagamento das diferenças. Decisão não impugnada. Preclusão. CPC, art. 471.

««In casu», incontroverso que o depósito restou efetuado no âmbito do mandado de segurança, a fim de suspender a exigibilidade do crédito tributário discutido, tendo o depositário judicial, confessadamente, aplicado índices de correção monetária atinentes aos depósitos administrativos. Ademais, o Juízo originário, ante a irresignação do depositante, determinou o pagamento das diferenças do levantamento do depósito judicial, decisão esta não impugnada pelo estabelecimento... (Continua)

Referência(s):
Tributário (Jurisprudência)
Depósito judicial (Jurisprudência)
Correção monetária (Jurisprudência)
Responsabilidade do banco (v. Depósito judicial) (Jurisprudência)
Preclusão (Jurisprudência)
CPC, art. 471
Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7036.2700)

47 - STJ. Tributário. Depósito judicial. Lucro real. Dedução.

«Antes de o contribuinte ser derrotado na ação onde efetuou o depósito para suspender a exigibilidade do crédito tributário, ele ainda não pode deduzir o seu valor do lucro real.»

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7059.1200)

48 - STJ. Depósito. Depositário judicial. Arresto de importância depositada em estabelecimento bancário. Correção monetária.

«A regra contida no art. 1.266 do CCB aplica-se também ao depositário judicial que se obriga «a ter na guarda e conservação da coisa depositada o cuidado e diligência que costuma com o que lhe pertence». Sendo o depósito em dinheiro, o banco há de diligenciar no sentido de que seja resguardado da desvalorização, não carecendo, para isso, de determinação específica.»

Opções

(DOC. LEGJUR 142.5854.9009.8500)

49 - TST. Agravo de instrumento. Depósito recursal. Ação de reparação proposta por herdeiros do empregado falecido. Depósito judicial. Súmula 426 de TST

«Vislumbrada contrariedade à Súmula 426 do TST, dá-se provimento ao Agravo de Instrumento.»

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7474.4800)

50 - STJ. Execução. Embargos do devedor. Termo inicial do prazo para interposição. Fluência a partir do depósito judicial. Precedentes do STJ. Considerações do Min. Castro Filho sobre o tema. CPC, art. 738, II.

«... A discussão travada no presente apelo excepcional cinge-se ao termo inicial para ajuizamento dos embargos à execução por quantia certa: se a data em que o devedor efetua o depósito judicial da quantia executada ou a da juntada do mandado de intimação da penhora. Com o depósito judicial da quantia executada pelo devedor torna-se seguro o juízo, havendo a penhora automática do valor depositado. Não há necessidade de intimação do devedor desse ato, uma vez que por ele mesmo f... (Continua)

Referência(s):
Execução (Jurisprudência)
Embargos do devedor (Jurisprudência)
Termo inicial (v. Embargos do devedor) (Jurisprudência)
Depósito judicial (v. Execução) (Jurisprudência)
CPC, art. 738, II
Opções

(DOC. LEGJUR 142.6050.2001.9700)

51 - STJ. Processo civil. Execução de sentença. Depósito judicial. Juros moratórios.

«Os depósitos judiciais relacionados a processos que tramitam na Justiça Federal são obrigatoriamente feitos na Caixa Econômica Federal, nos termos do art. 1º, I, do Decreto-lei 1.737, de 1979. O respectivo montante não vence juros (Decreto-lei 2.323, de 1987 (art. 4º, art. 3º, caput), sendo apenas corrigido monetariamente segundo a sistemática). Aquele que, condenado a pagar quantia certa com juros e correção monetária, deposita judicialmente o montante desta para, gar... (Continua)

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7514.3500)

52 - TRT 2 Região. Transação. Acordo judicial. Inadimplemento. Depósito do valor das parcelas em cheque.

«Não cabe falar em inadimplemento do acordo quando verificado que o pagamento das parcelas observou o quanto ajustado entre as partes, que não fizeram qualquer ressalva em relação ao depósito em cheque e ao horário de compensação bancária. Além disso, é de conhecimento geral que o depósito em cheque em um banco exige a compensação para a liberação da quantia nele indicada quando o documento é emitido por outro estabelecimento de crédito, o que indiscutivelmente pressupõe a... (Continua)

Referência(s):
Transação (Jurisprudência)
Acordo judicial (v. Transação) (Jurisprudência)
Inadimplemento (v. Transação) (Jurisprudência)
Opções

(DOC. LEGJUR 140.9045.7011.3600)

53 - TJSP. Suspensão do processo. Ação de cobrança. Expurgo inflacionário. Depósito judicial. Pedido de suspensão. Indeferimento. Determinado o sobrestamento pelo Supremo Tribunal Federal de todos os recursos relativos a expurgo inflacionário de caderneta de poupança. Impossibilidade de suspensão com relação a depósito judicial. Prosseguimento regular determinado. Recurso não provido.

Opções

(DOC. LEGJUR 142.5854.9020.0200)

54 - TST. Agravo de instrumento em recurso de revista. Ação de cobrança de contribuição sindical. Depósito recursal efetuado em guia destinada a depósito judicial trabalhista. Validade. Deserção do recurso ordinário não configurada.

«Tendo em vista tratar-se de ação de cobrança de contribuição sindical profissional ajuizada pelo sindicato profissional contra a empregadora e, portanto, de lide decorrente de relação de trabalho não submetida ao FGTS, é admissível depósito recursal efetuado em guia distinta da GFIP. Guia de Recolhimento do FGTS e Informações à Previdência Social. Violação do art. 5º, LV, da Constituição da República, nos moldes do art. 896, «c», da CLT, a ensejar o provimento do agra... (Continua)

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7462.8400)

55 - STJ. Execução fiscal. Prisão civil. Depósito judicial. Bens fungíveis. Depositário infiel de bens penhorados em execução fiscal. Admissibilidade da prisão. Inaplicabilidade do regime do depósito contratual de direito privado. Distinção entre um e outro regime. CCB/2002, art. 625. CPC, art. 666.

«Em se tratando de bens fungíveis, não se pode confundir o seu depósito judicial decorrente de penhora com o seu depósito voluntário decorrente de contrato. Com efeito, caracteriza-se como depósito irregular o contrato que importa a entrega de coisa fungível, obrigando-se o depositário a restituir objetos do mesmo gênero, qualidade e quantidade, sujeito às disposições que regulam o contrato de mútuo (CCB/2002, art. 645). Em casos tais, confere-se ao depositário a faculdade de d... (Continua)

Referência(s):
Prisão civil (Jurisprudência)
Depósito judicial (Jurisprudência)
Bens fungíveis (v. Prisão civil) (Jurisprudência)
Execução fiscal (Jurisprudência)
Distinção (Jurisprudência)
CCB/2002, art. 625
CPC, art. 666
Opções

(DOC. LEGJUR 137.1401.3005.1700)

56 - TJSP. Sentença. Cumprimento. Impugnação. Intempestividade. Ocorrência. Termo «a quo». Incidência a partir do depósito judicial. Quantia, no caso, depositada após a apresentação de cálculos pelo credor. Segundo depósito. Irrelevância. Preclusão do prazo. Recurso não provido.

Opções

(DOC. LEGJUR 116.3031.5000.0500)

57 - TRT 2 Região. Recurso ordinário. Preparo. Depósito recursal. Empresa em recuperação judicial. Inexistência de isenção. Súmula 86/TST. CLT, art. 899. Lei 11.101/2005

«A exceção prevista na Súmula 86/TST, quanto ao depósito recursal, não abrange as empresas sob o regime de recuperação judicial. Não há suporte para a analogia.»

Referência(s):
Recurso (Jurisprudência)
Recurso ordinário (Jurisprudência)
Preparo (v. Recurso ordinário) (Jurisprudência)
Depósito recursal (v. Recurso ordinário) (Jurisprudência)
Empresa em recuperação judicial (v. Depósito recusal) (Jurisprudência)
Súmula 86/TST (Recurso. Deserção. Falência. Massa falida. Depósito prévio das custas e da condenação. Desnecessidade. Inaplicabilidade, contudo, à empresa em liquidação extrajudicial. CLT, arts. 789 e 899).
CLT, art. 899
Lei 11.101/2005 (Legislação)
Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7377.4200)

58 - 2 TACSP. Alienação fiduciária. Busca e apreensão. Medida liminar. Efetivação suspensa em virtude de requerimento de purgação da mora pelo réu. Inadmissibilidade. Depósito. Atribuição, porém, ao réu, da qualidade de depositário judicial, ante o depósito em dinheiro efetuado nos autos. Agravo parcialmente provido, com observação. Dec.-lei 911/69, arts. 2º, §§ 1º e 3º e 3º.

«A notícia de que o réu efetuou o depósito da maior parte da dívida, estando a aguardar a determinação do valor dos encargos devidos, para assim complementar a purga da mora, não é suficiente para obstar a efetivação da medida liminar. Mas, a excepcionalidade da situação justifica atribuir lhe a qualidade de depositário judicial do bem, até que seja dirimido o questionamento pendente, visto.»

Referência(s):
Alienação fiduciária (Jurisprudência)
Busca e apreensão (Jurisprudência)
Purgação da mora (Jurisprudência)
Depósito (Jurisprudência)
Depositário judicial (v. Depósito) (Jurisprudência)
Dec.-lei 911/69, art. 2º, § 1º (Legislação)
Dec.-lei 911/69, art. 3º, § 3º (Legislação)
Opções

(DOC. LEGJUR 136.9800.4002.1300)

59 - STJ. Agravo regimental no agravo de instrumento. Execução. Termo inicial da contagem do prazo para a oposição dos embargos. Depósito judicial. Penhora automática.

«1. O início do prazo para a oposição dos embargos do devedor é a data da realização do depósito judicial da quantia objeto da execução. Precedentes. 2. Agravo regimental não provido.»

Opções

(DOC. LEGJUR 125.9195.4000.0300)

60 - STJ. Consignação em pagamento. Banco. Depósito bancário extrajudicial. Ajuizamento ulterior da consignação judicial. Falta de comunicação ao banco depositário. Regime de depósito de caderneta de poupança inaplicável. Mandado de segurança impetrado pelo Banco. Recurso ordinário provido. Segurança concedida. Lei 9.289/1996, art. 11, § 1º. CPC, art. 890, § 1º.

«1 - É da responsabilidade do depositante em consignação em pagamento extrajudicial e não da instituição financeira a comprovação, perante o estabelecimento bancário, da propositura de ação de consignação em pagamento em juízo, para que o estabelecimento bancário possa aplicar o regime de depósito em caderneta de poupança incidente sobre os depósitos judiciais, nos termos do art. 11, § 1º, da Lei 9.289/1996 e da Resolução BACEN 2814. 2. - Do só fato da expedição de m... (Continua)

Referência(s):
Consignação em pagamento (Jurisprudência)
Banco (Jurisprudência)
Depósito bancário extrajudicial (v. Consignação em pagamento) (Jurisprudência)
Consignação judicial (v. Consignação em pagamento) (Jurisprudência)
Regime de depósito de caderneta de poupança (v. Consignação em pagamento) (Jurisprudência)
Lei 9.289/1996, art. 11, § 1º (Legislação)
CPC, art. 890, § 1º
Opções

(DOC. LEGJUR 103.2110.5045.6800)

61 - STJ. Desapropriação. Imissão prévia e compulsória do expropriante. Possibilidade somente mediante depósito integral do valor apurado em avaliação judicial provisória. Dec.-lei 3.365/41, art. 15, § 1º.

«A Imissão prévia e compulsória do expropriante na posse do imóvel, somente é possível mediante depósito integral do valor apurado, em avaliação judicial provisória.» (Rec. Esp. 19.647/Humberto)

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7292.7100)

62 - STJ. Desapropriação. Imissão prévia e compulsória do expropriante. Possibilidade somente mediante depósito integral do valor apurado em avaliação judicial provisória. Dec.-lei 3.365/41, art. 15, § 1º.

«A Imissão prévia e compulsória do expropriante na posse do imóvel, somente é possível mediante depósito integral do valor apurado, em avaliação judicial provisória.» (Rec. Esp. 19.647/Humberto)

Opções

(DOC. LEGJUR 136.4215.4003.3100)

63 - STJ. Agravo regimental em recurso especial. Cumprimento de sentença. Depósito judicial. Juros e correção monetária. Responsabilidade do banco depositário. Ofensa à coisa julgada. Inexistência. Precedentes.

«1. Segundo a jurisprudência desta Corte, realizado o depósito judicial para a garantia do juízo, cessa a responsabilidade do devedor pela correção monetária e pelos juros de mora, ficando esses a cargo da instituição financeira depositária. 2. Agravo regimental não provido.»

Opções

(DOC. LEGJUR 141.8462.3006.8000)

64 - STJ. Processual civil. Agravo regimental nos embargos de declaração no recurso especial. Depósito judicial. Cobrança de juros moratórios sobre o valor depositado. Impossibilidade. Responsabilidade da instituição financeira depositária. Precedentes.

«1. A jurisprudência desta Corte de Justiça firmou-se no sentido de que, tendo o executado realizado o depósito judicial, para garantia do juízo e oferecimento de impugnação do cumprimento de sentença ou de embargos à execução, não há falar em incidência de novos juros moratórios. Com efeito, o depósito judicial já conta com remuneração específica prevista em lei e a cargo da instituição financeira depositária, de maneira que a exigência do devedor de juros moratórios... (Continua)

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7036.1400)

65 - TRF 4 Região. Sistema Financeiro da Habitação - SFH. Tutela antecipatória concedida em ação ordinária. Plano de equivalência salarial. Depósito judicial das prestações do mútuo hipotecário. CPC, art. 273.

«Cabível antecipação de tutela em ação ordinária para evitar prejuízos financeiros comprometedores do orçamento familiar do mutuário, quando em discussão o respeito ao Plano de Equivalência Salarial. Existe impropriedade entre o efeito consignatório do depósito judicial com aquele acautelatório, pois enquanto o primeiro visa a declaração de que aquele valor está apto a quitar o débito, o segundo busca, apenas, a sua indisponibilidade por parte do credor, em valor ... (Continua)

Opções
ÍNTEGRA NÃO DISPONÍVEL - EMENTA P/CITAÇÃO - INDICAR - ADICIONAR FAVORITO

(DOC. LEGJUR 125.5323.6000.1700)

66 - STJ. Cumprimento de sentença. Prazo para oferecimento de impugnação. Termo inicial. Data do depósito judicial. Precedentes do STJ. CPC, art. 475-J, § 1º.

«3. A realização do depósito judicial do valor exequendo consubstancia penhora automática, independente da lavratura do respectivo termo e consequente intimação, iniciando-se a partir de então o cômputo do prazo para a apresentação de impugnação ao cumprimento de sentença.»

Referência(s):
Cumprimento de sentença. (Jurisprudência)
Impugnação (v. Cumprimento de sentença) (Jurisprudência)
Prazo para oferecimento de impugnação (v. Cumprimento de sentença) (Jurisprudência)
Termo inicial (v. Impugnação) (Jurisprudência)
Data do depósito judicial (v. Cumprimento de sentença) (Jurisprudência)
CPC, art. 475-J, § 1º
Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7398.2000)

67 - STJ. Prisão civil. Depósito judicial. Falência. «Habeas corpus». Exame de provas. Impossibilidade. Precedentes do STJ. CPC, art. 901, e ss. CF/88, art. 5º, LXVII.

«Embora possível o recebimento do recurso como «habeas corpus» substitutivo, no caso não cabe a concessão da ordem porquanto legítima a prisão civil decretada nos autos de falência, fundada na infidelidade do depositário judicial. (...)O depósito infiel apresenta-se caracterizado, sendo impossível, à míngua de investigação probatória incompatível com o «habeas corpus», concluir-se de forma diversa. Por seu turno, a alegação de que a prisão civil só pode ser decretada n... (Continua)

Referência(s):
Prisão civil (Jurisprudência)
Depósito judicial (Jurisprudência)
Falência (Jurisprudência)
«Habeas corpus» (Jurisprudência)
Exame de provas (v. «Habeas corpus») (Jurisprudência)
Prova (Jurisprudência)
CPC, art. 901, e ss.
CF/88, art. 5º, LXVII
Opções

(DOC. LEGJUR 140.2140.8001.4800)

68 - STJ. Processual civil. Cumprimento de sentença. Multa do CPC, art. 475-j. Afastamento. Impossibilidade. Depósito judicial condicionado à impugnação.

«1. A análise acerca do alegado afastamento da multa prevista no art. 475-J do CPC, ante a efetivação da garantia realizada com o depósito judicial da obrigação no prazo legal, com o propósito de elidir a multa nele prevista, não prospera, tendo em vista o entendimento do Superior Tribunal de Justiça de que somente naquelas situações em que o devedor deposita a quantia devida em juízo, sem condicionar o levantamento à discussão do débito em impugnação do cumprimento de sente... (Continua)

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7134.7000)

69 - STJ. Tributário. Depósito judicial. Decisão que liberou parte dele à base de precedente do STF, deixando de converter o saldo em renda da Fazenda Pública. Alegada afronta ao art. 125 do CPC.

«O depósito previsto no art. 151, II, do CTN é feito sob o regime de indisponibilidade, que na via judicial só cessa com o trânsito da sentença em julgado, sendo então devolvido ao autor da ação ou convertido em renda da Fazenda Pública, conforme a demanda seja bem ou mal sucedida. Hipótese em que, antes da sentença final, foi liberada parte do depósito para o autor da ação, tendo a Fazenda Pública reclamado tratamento igual em relação ao saldo. A igualdade de tratamento dev... (Continua)

Referência(s):
Tributário (Jurisprudência)
CPC, art. 125.
Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7074.7600)

70 - STJ. Mandado de segurança. Ato judicial (liminar). Poder cautelar do Juiz. Ilegalidade e abuso de poder não caracterizados pela exigência do prévio depósito garantidor. Crédito tributário questionado.

«O prévio depósito, por si, não constitui ilegalidade ou abuso de poder, como condição para a efetivação de provimento liminar. Somente a excepcionalidade emoldurada pelo objetiva possibilidade de dano de difícil ou incerta reparação ou, ainda, se concedida a final, da ineficácia da ordem judicial, tornaria ilegal e abusiva a exigência do depósito prévio. Hipóteses inocorrentes no caso. Recurso desprovido.»

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7086.4900)

71 - TRF 5 Região. Tributário. Lei 8.033/90. Inst. Norm. 62/90. Incidência do IOF sobre depósito judicial. Legitimidade passiva do BACEN.

«Mandado de segurança. Nas questões acerca da incidência do IOF sobre depósitos judiciais é o Banco Central do Brasil - BCB litisconsorte necessário. Precedentes da eg. 1ª Turma. Não constitui fato gerador do IOF o mero levantamento de depósito judicial. Inst. Norm. 62/90. Incompatibilidade com a CF/88 e com a lei. Limites da competência regulamentar do Departamento da Receita Federal.»

Opções
ÍNTEGRA NÃO DISPONÍVEL - EMENTA P/CITAÇÃO - INDICAR - ADICIONAR FAVORITO

(DOC. LEGJUR 103.1674.7117.3000)

72 - TJSC. Consignação em pagamento. Depósito judicial da coisa devida (30 toneladas de cebola). Indeferimento do pleito ao argumento da ausência de depositário público na Comarca. Inadmissibilidade. CCB, art. 972. CPC, art. 893.

«Com a nova redação dada ao art. 893 do CPC, o depósito judicial da coisa devida é um pressuposto de constituição e desenvolvimento válido e regular do processo relativo à consignação, não sendo possível o indeferimento do pleito pela inexistência de depósito público na Comarca.»

Referência(s):
Consignação em pagamento (Jurisprudência)
CCB, art. 972
CPC, art. 893
Opções
ÍNTEGRA NÃO DISPONÍVEL - EMENTA P/CITAÇÃO - INDICAR - ADICIONAR FAVORITO

(DOC. LEGJUR 103.1674.7034.0300)

73 - TJSC. Depósito judicial. Honorários advocatícios. Verba sucumbencial. Depósito em nome do procurador da parte. Estabelecimento bancário encarregado de depósitos judiciais. Pretendida devolução sem correção monetária. Inadmissibilidade. Enriquecimento sem causa. CCB/2002, art. 884.

«O estabelecimento de crédito encarregado de depósitos judiciais, oriundos de litígios, ainda que despida a respectiva «GRJ» da abertura de conta-poupança, obriga-se a devolver ao beneficiário o numerário com a atualização monetária, sob pena de propiciar o enriquecimento sem causa.»

Opções
ÍNTEGRA NÃO DISPONÍVEL - EMENTA P/CITAÇÃO - INDICAR - ADICIONAR FAVORITO

(DOC. LEGJUR 103.1674.7183.0600)

74 - STJ. Tributário. Depósito judicial do tributo controvertido. Decisão que liberou parte dele à base de precedente do STF, deixando de converter o saldo em renda da Fazenda Pública. Alegada afronta ao art. 125 do CPC.

«O depósito previsto no art. 151, II do CTN, é feito sob o regime de indisponibilidade, que na via judicial só cessa com o trânsito da sentença em julgado, sendo então devolvido ao autor da ação ou convertido em renda da Fazenda Pública, conforme a demanda seja bem ou mal sucedida. Hipótese em que, antes da sentença final, foi liberada parte do depósito para o autor da ação, tendo a Fazenda Pública reclamado tratamento igual em relação ao saldo. A igualdade de tratamento dev... (Continua)

Referência(s):
Tributário (Jurisprudência)
CPC, art. 125
Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7082.6900)

75 - TRF 1 Região. Tributário. Imposto Sobre Operações Financeiras - IOF. Levantamento de depósito judicial. Não incidência. Lei 8.033/90, art. 1º, V.

«1. O levantamento de depósito judicial pelo contribuinte, que fizera para suspender a exigibilidade de crédito tributário, não constitui fato gerador do IOF. É ilegítima a sua cobrança, pelos bancos depositários, nos termos da Instr. Norm. 62, de 19/04/90, do Departamento da Receita Federal. 2. A Lei 8.033, de 12/04/90, não prevê a tributação de depósitos judiciais. Não é devida a sua assimilação à caderneta de poupança, nos termos do seu art. 1º, V, pela referida instru... (Continua)

Referência(s):
Tributário (Jurisprudência)
IOF (v. Tributário) (Jurisprudência)
Depósito judicial (v. Tributário) (Jurisprudência)
Lei 8.033/90, art. 1º, V (Legislação)
Opções
ÍNTEGRA NÃO DISPONÍVEL - EMENTA P/CITAÇÃO - INDICAR - ADICIONAR FAVORITO

(DOC. LEGJUR 103.1674.7191.1100)

76 - TST. Recurso. Depósito judicial. Conta vinculada. Falta de identificação da conta do empregado.

«O número da conta vinculada do FGTS não é requisito expressamente exigido pelo art. 899/CLT e seus parágrafos e muito menos pelo Enunciado 165/TST, que apenas se limita a afirmar a necessidade de ser depositado em conta vinculada do trabalhador, mesmo que fora da sede do Juízo, desde que a disposição deste permaneça. Extrai-se dos termos do art. 899/CLT, que o legislador não imprimiu ao dispositivo em questão o rigor processual adotado pelo Regional, pois a finalidade principal ex... (Continua)

Opções
ÍNTEGRA NÃO DISPONÍVEL - EMENTA P/CITAÇÃO - INDICAR - ADICIONAR FAVORITO

(DOC. LEGJUR 134.6001.7002.9900)

77 - STJ. Processual civil. Agravo regimental no recurso especial. Depósito judicial. Cobrança de juros moratórios sobre o valor depositado. Impossibilidade. Responsabilidade da instituição financeira depositária.

«1. O depósito judicial realizado para garantia do juízo e oferecimento de impugnação ao cumprimento de sentença ou oposição de embargos à execução possui remuneração específica prevista em lei e a cargo da instituição financeira depositária, portanto, incabível exigir-se do devedor o pagamento de juros moratórios e correção monetária sobre os valores depositados, sob pena de caracterização de bis in idem. 2. Agravo regimental desprovido.»

Opções

(DOC. LEGJUR 103.2110.5013.5700)

78 - TJSP. Responsabilidade civil do Estado. Pagamento de depósito judicial a pessoa indevida, que apresentou guia de levantamento falsificada. Entidade financeira controlada pelo Estado, exercendo, como depositária judicial, autêntica função pública. Responsabilidade objetiva configurada. (Cita doutrina e precedente).

A autora apenas depositou em Juízo o «quantum» que depois não pôde levantar, porque a ré pagou a outrem, que apresentou guia com assinatura falsificada. Ora, a ré, além de ser entidade financeira controlada pelo Estado, estava a exercer, na hipótese dos autos, autêntica função pública, fazendo as vezes de depositária judicial. Aplicável, portanto, a responsabilidade objetiva.

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7350.3600)

79 - STJ. Desapropriação. Imissão provisória em imóvel expropriando. Prévio depósito de valor apurado em avaliação judicial provisória. Exigência. Dec.-lei 3.365/41, art. 15.

««A imissão provisória em imóvel expropriando, somente é possível mediante prévio depósito de valor apurado em avaliação judicial provisória.» (IURESP 19.647/SP-Humberto).»

Referência(s):
Desapropriação (Jurisprudência)
Imissão provisória em imóvel (v. Desapropriação) (Jurisprudência)
Dec.-lei 3.365/1941, art. 15 (Legislação)
Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7329.2500)

80 - STJ. Tributário. Depósito judicial. Redimentos. Incidência de imposto de renda. Lei 8.541/92, arts. 7º e 8º. CTN, art. 43.

«O depósito judicial não é, desde logo, pagamento liberatório da obrigação, pois visa a garantir o juízo e demonstrar, em princípio, a um tempo, a solvibilidade do contribuinte e seu propósito não procrastinatório. «Legalidade da Lei 8.541/92, que proibiu expressamente a dedução dos depósitos do lucro real, sem violação ao art. 43 do CTN» (Resp 226.978/PR, rel. Min. Eliana Calmon, DJU de 05/02/2001).»

Referência(s):
Tributário (Jurisprudência)
Depósito judicial (v. Tributário) (Jurisprudência)
Redimentos (v. Tributário) (Jurisprudência)
Imposto de renda (v. Tributário) (Jurisprudência)
Lei 8.541/92, art. 7º (Legislação)
Lei 8.541/92, art. 8º (Legislação)
CTN, art. 43
Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7028.6200)

81 - STJ. Tributário. Execução fiscal. Depósito judicial do tributo controvertido. Decisão que liberou parte dele à base de precedente do STF, deixando de converter o saldo em renda da Fazenda Pública. Alegada afronta ao art. 125 do CPC.

«O depósito previsto no art. 151, II do CTN é feito sob o regime de indisponibilidade, que na via judicial só cessa com o trânsito da sentença em julgado, sendo então devolvido ao autor da ação ou convertido em renda da Fazenda Pública, conforme a demanda seja bem ou mal sucedida. Hipótese em que, antes da sentença final, foi liberada parte do depósito para o autor da ação, tendo a Fazenda Pública reclamado tratamento igual em relação ao saldo. A igualdade de tratamento devi... (Continua)

Opções

(DOC. LEGJUR 136.8052.8001.0200)

82 - STJ. Agravo regimental. Agravo em recurso especial. Brasil telecom. Juros e correção monetária. Termo final. Depósito judicial. Responsabilidade da instituição financeira.

«1. Efetuado o depósito judicial para garantia do juízo com a finalidade de oposição de embargos à execução, cessa para o devedor a responsabilidade pelo pagamento de juros e da correção monetária, uma vez que passa a ser responsabilidade do banco depositário, sendo certo que referidos consectários legais só caberão ao devedor caso exista diferença entre o valor devido e o depositado. 2. Agravo regimental desprovido.»

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7044.6600)

83 - TJSC. Desapropriação. Imissão provisória. Imóvel urbano. Necessidade de depósito integral do valor apurado em avaliação judicial provisória. Inteligência do art. 15, do Dec.-lei 3.365/41.

«Quando solicitada e reconhecida a necessidade de imediata imissão na posse de imóvel urbano, a 1ª Seção do STJ assentou que não ofende a legislação infraconstitucional o condicionamento da imissão antecipada na posse ao depósito integral do valor apurado em avaliação judicial provisória.»

Opções
ÍNTEGRA NÃO DISPONÍVEL - EMENTA P/CITAÇÃO - INDICAR - ADICIONAR FAVORITO

(DOC. LEGJUR 103.1674.7150.6400)

84 - STJ. Tributário. Depósito judicial de tributo controvertido. Decisão que liberou parte dele à base de precedente do STF, deixando de converter o saldo em renda da Fazenda Pública. Alegada afronta ao art. 125 do CPC.

«O depósito previsto no art. 151, II, do CTN é feito sob o regime de «indisponibilidade», que na via judicial só cessa com o trânsito da sentença em julgado, sendo então devolvido ao autor da ação ou convertido em renda da Fazenda Pública, conforme a demanda seja bem ou mal sucedida. Hipótese em que, antes da sentença final, foi liberada parte do depósito para o autor da ação, tendo a Fazenda Pública reclamado tratamento igual em relação ao saldo. A igualdade de tratamento... (Continua)

Referência(s):
Tributário (Jurisprudência)
CPC, art. 125.
Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7397.9200)

85 - STJ. Desapropriação. Depósito judicial. Correção monetária. Responsabilidade do banco depositário. Fixação do índice pelo Juiz da execução. Precedentes do STJ. Súmula 179/STJ.

«Consoante o disposto na Súmula 179/STJ: «o estabelecimento de crédito que recebe dinheiro, em depósito judicial, responde pelo pagamento da correção monetária relativa aos valores recolhidos». O índice a ser aplicado será o indicado pelo Juiz da execução, nos próprios autos, sem necessidade da parte credora socorrer-se das vias ordinárias para propor outra ação, objetivando alcançar tal direito.»

Referência(s):
Depósito judicial (Jurisprudência)
Correção monetária (Jurisprudência)
Banco (Jurisprudência)
Desapropriação (Jurisprudência)
Índices (v. Correção monetária) (Jurisprudência)
Execução (Jurisprudência)
Súmula 179/STJ (Depósito judicial. Correção monetária. Banco. Instituição financeira. Súmula 271/STJ. CCB, art. 1.266).
Opções

(DOC. LEGJUR 137.8122.5001.1100)

86 - STJ. Agravo regimental no recurso especial. Depósitos judiciais. Expurgos inflacionários. Sobrestamento. Descabimento. Correção monetária. Depósito judicial. Lei 6.899/81. Decisão agravada mantida. Improvimento.

«1.- O sobrestamento dos processos determinado pelo C. Supremo Tribunal Federal nas decisões proferidas nos REs 591.797-SP e 626.307/SP, Rel. Min. DIAS TOFFOLI, e no AI 754.745, Rel. Min. GILMAR MENDES não se aplica às hipóteses, em que se discute a incidência dos expurgos inflacionários em depósito judicial. Precedentes do Supremo Tribunal Federal e da Quarta Turma deste Tribunal. 2.- O entendimento desta Corte é firme no sentido de que correção monetária do débito jud... (Continua)

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7339.2600)

87 - STJ. Depósito judicial. Correção monetária. Legitimidade do Banco depositário. Desnecessidade de ação própria. Índices de correção aplicáveis.

«Legitimidade passiva do Banco comercial que, inclusive, manteve à sua disposição o numerário depositado. Desnecessidade de ajuizamento de ação própria quanto aos índices de correção monetária do depósito judicial. Incidência do IPC nos meses de janeiro-89 (índice de 42,72%, REsp 43.055-SP) e março/maio-90, em consonância com a jurisprudência do STJ.»

Referência(s):
Depósito judicial (Jurisprudência)
Correção monetária (Jurisprudência)
Legitimidade (Jurisprudência)
Opções

(DOC. LEGJUR 141.1843.2000.3800)

88 - STJ. Agravo regimental. Direito tributário. Depósito judicial. Suspensão da exigibilidade do crédito tributário. Conversão em renda da fazenda nacional. Suposto erro material. Inexistência.

«1. O depósito judicial realizado pelo contribuinte com o fim de suspender a exigibilidade do crédito tributário deve ser convertido em renda da Fazenda Nacional após o trânsito em julgado da ação principal. Precedentes. 2. Considerando que o Recurso Especial 744.727/SP, ao qual se vincula a presente medida cautelar, foi julgado pelo Superior Tribunal de Justiça em 18/08/2005, tendo ocorrido o trânsito em julgado do feito no ano de 2008, não há que falar em erro material... (Continua)

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7154.2400)

89 - TRT 2 Região. Depósito judicial. Cooperativa.

«As sociedades do tipo cooperativa não estão sujeitas a falência, mas a liquidação extrajudicial, nos termos do art. 75 da Lei 5.764/71. Assim, não estão dispensadas do preparo recursal de que trata o Enunciado 86/TST.»

Opções
ÍNTEGRA NÃO DISPONÍVEL - EMENTA P/CITAÇÃO - INDICAR - ADICIONAR FAVORITO

(DOC. LEGJUR 141.0242.4002.0300)

90 - TJSP. Recurso. Agravo de instrumento. Pedido de levantamento de depósito judicial. Impossibilidade. Depósito efetivado em razão de concessão de tutela antecipada. Necessidade de análise do mérito. Decisão mantida. Recurso improvido.

Opções

(DOC. LEGJUR 138.6011.0000.1200)

91 - STJ. Processual civil e tributário. Recurso especial. Depósito judicial. Denúncia espontânea (art. 138 do CTN). Não configuração. Não ocorrência do pagamento integral.

«1. Recurso especial no qual se discute se a realização do depósito judicial integral do débito tributário eventualmente devido, antes de qualquer procedimento do Fisco tendente à sua exigência, configura denúncia espontânea, em face do que dispõe a Lei 9.703/98, que vincula os valores depositados à Conta Única do Tesouro Nacional. 2. A jurisprudência desta Corte já se pacificou no sentido de que apenas o pagamento integral do débito que segue à sua confissão é ap... (Continua)


Referência(s):
Referência/STJ (Processual civil e tributário. Ausência de prequestionamento. Súmulas 282/STF e 356/STF, por analogia. Depósito judicial. Destino. Coisa julgada. Violação ao art. 610 do CPC. Inexistência. Denúncia espontânea (CTN, art. 138). Ausência de pagamento integral).
Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7282.3600)

92 - STJ. Depósito judicial. Correção monetária. Complementação do valor. Determinação nos próprios autos. Admissibilidade. Desnecessidade de ação direta.

«Desnecessidade de ação direta para que o beneficiário dos depósitos judiciais possa questionar as taxas de correção monetária aplicadas pelo banco depositário. Verificando-se que as contas judiciais não foram devidamente remuneradas, pode o próprio juiz do processo em que se ordenou o depósito determinar ao depositário que o complemente.»

Opções

(DOC. LEGJUR 132.5182.7001.1100) LeaderCase

93 - STJ. Recurso especial repetitivo. Desapropriação. Recurso especial representativo da controvérsia. Imissão provisória na posse. Depósito judicial. Valor fixado pelo Município ou valor cadastral do imóvel (imposto territorial urbano ou rural) ou valor fixado em perícia judicial. Súmula 652/STF. Dec.-lei 3.365/1941, art. 15, § 1º, «a», «b», «c» e «d». CPC, art. 543-C. CF/88, art. 5º, XXIV (justa e prévia indenização). Dec.-lei 1.075/1970.

«Diante do que dispõe o art. 15, § 1º, «a», «b», «c» e «d», do Dec.-lei 3.365/1941, o depósito judicial do valor simplesmente apurado pelo corpo técnico do ente público, sendo inferior ao valor arbitrado por perito judicial e ao valor cadastral do imóvel, não viabiliza a imissão provisória na posse. O valor cadastral do imóvel, vinculado ao imposto territorial rural ou urbano, somente pode ser adotado para satisfazer o requisito do depósito judicial se tiver «s... (Continua)

Referência(s):
Recurso especial repetitivo (Jurisprudência)
Desapropriação (v. Recurso especial repetitivo) (Jurisprudência)
Recurso especial representativo da controvérsia (Jurisprudência)
Imissão provisória na posse (v. Recurso especial repetitivo) (Jurisprudência)
Depósito judicial (v. Desapropriação) (Jurisprudência)
Justa e prévia indenização (v. Desapropriação) (Jurisprudência)
Súmula 652/STF (Desapropriação. Imissão provisória na posse. Dec.-lei 3.365/41, art. 15, § 1º. Constitucionalidade. CF/88, art. 5º, XXIV).
Dec.-lei 3.365/1941, art. 15, § 1º, «a», «b», «c» e «d» (Legislação)
CPC, art. 543-C
CF/88, art. 5º, XXIV
Dec.-lei 1.075/1970 (Legislação)
Opções

(DOC. LEGJUR 140.2155.0001.2000)

94 - STJ. Embargos de declaração no agravo regimental no agravo em recurso especial. Tributário. Provimento do apelo raro da fazenda nacional com fundamento em recurso especial julgado sob o rito do art. 543-C do CPC e da Res. 8/STJ. REsp. 1.251.513/PR, rel. Min. Mauro campbell marques, dj 17.08.2011. Lei 1.941/2009. Conversão em renda de depósito judicial. Reduções sobre os juros que remuneram o depósito judicial. Inadmissibilidade. Ressalva do ponto de vista do relator. Ausência de omissão ou contradição. Questão devidamente prequestionada. Pretensão de revisão do julgado. Embargos declaratórios de weg s/a rejeitados.

«1. A teor do disposto no art. 535, incisos I e II do CPC, os Embargos de Declaração destinam-se a suprir omissão, afastar obscuridade ou eliminar contradição existente no julgado, o que não se verifica na hipótese; excepcionalmente o Recurso Aclaratório pode servir para amoldar o julgado à superveniente orientação jurisprudencial do Pretório Excelso, quando dotada de efeito vinculante, em atenção à instrumentalidade das formas, de modo a garantir a celeridade e a eficácia da... (Continua)


Referência(s):
Referência/STJ (Recurso especial repetitivo. Tributário. Recurso representativo da controvérsia. Parcelamento ou pagamento à vista com remissão e anistia instituídos pela Lei 11.941/2009. Aproveitamento do benefício mediante a transformação em pagamento definitivo (conversão em renda) de depósito judicial vinculado a ação já transitada em julgado. Impossibilidade de devolução da diferença entre os juros que remuneram o depósito judicial e os juros de mora do crédito tributário que não foram objeto de remissão. Súmula 284/STF. CPC, arts. 535, 543-C. Lei 11.941/2009. CTN, art. 151, II e 156, I. Lei 9.703/1998, art. 1º, § 3º, II).
Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7018.5600)

95 - STJ. Mandado de segurança. Depósito judicial. Despacho determinando à instituição financeira depositária sejam incluídos os IPCs de janeiro/89 e março/90 no valor depositado.

«A orientação jurisprudencial deste Tribunal é tranqüila no sentido de que o Juiz pode determinar que a instituição financeira inclua em depósito judicial os índices oficiais que melhor representem a inflação dos respectivos períodos, sem que, com isso, atinja direito líquido e certo da depositária. No tocante aos meses de janeiro/89 e março/90, consolidou-se o entendimento nesta Corte de que o IPC deve ser utilizado para o cálculo da correção monetária.»

Opções

(DOC. LEGJUR 125.9195.4000.0400)

96 - STJ. Consignação em pagamento. Banco. Depósito bancário extrajudicial. Ajuizamento ulterior da consignação judicial. Falta de comunicação ao banco depositário. Regime de depósito de caderneta de poupança inaplicável. Mandado de segurança impetrado pelo Banco. Recurso ordinário provido. Segurança concedida. Considerações do Min. Sidnei Beneti sobre o tema. Lei 9.289/1996, art. 11, § 1º. CPC, art. 890, § 1º.

«... 8.- O fulcro da questão consiste em que, efetuado o depósito bancário para a consignação extrajudicial (CPC, art. 890, § 1º), pelo devedor em conta em nome do devedor, independentemente de qualquer providência judicial anterior, esse depósito inicialmente não é considerado depósito judicial, tanto que pode ser levantado pelo credor independentemente de decisão judicial (CPC, art. 890, § 2º), só passando a qualificar-se como depósito judicial a partir do momento em que o... (Continua)

Referência(s):
Consignação em pagamento (Jurisprudência)
Banco (Jurisprudência)
Depósito bancário extrajudicial (v. Consignação em pagamento) (Jurisprudência)
Consignação judicial (v. Consignação em pagamento) (Jurisprudência)
Regime de depósito de caderneta de poupança (v. Consignação em pagamento) (Jurisprudência)
Lei 9.289/1996, art. 11, § 1º (Legislação)
CPC, art. 890, § 1º
Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7244.1200)

97 - STJ. Depósito judicial. Encargos. Transferência.

«Impossibilidade de o depositário transferir a terceiro, por conta própria, a responsabilidade pelo encargo, ainda que não mais seja sócio da empresa executada.»

Opções

(DOC. LEGJUR 103.1674.7496.9800)

98 - STJ. Prisão civil. Depósito. Depositário judicial. Intimação pessoal. Necessidade. Precedentes do STJ. CPC, art. 904.

«A prisão civil, por sua gravidade, somente deve ser decretada após a intimação pessoal do depositário judicial para a apresentação do bem penhorado, ou mediante comprovação de que foram esgotados os meios para sua localização.»

Referência(s):
Prisão civil (Jurisprudência)
Depósito (v. Prisão civil) (Jurisprudência)
Depositário judicial (v. Prisão civil) (Jurisprudência)
Intimação (Jurisprudência)
CPC, art. 904
Opções

(DOC. LEGJUR 115.9175.5000.3400) LeaderCase

99 - STJ. Recurso especial repetitivo. Tributário. Recurso representativo da controvérsia. Parcelamento ou pagamento à vista com remissão e anistia instituídos pela Lei 11.941/2009. Aproveitamento do benefício mediante a transformação em pagamento definitivo (conversão em renda) de depósito judicial vinculado a ação já transitada em julgado. Impossibilidade de devolução da diferença entre os juros que remuneram o depósito judicial e os juros de mora do crédito tributário que não foram objeto de remissão. Súmula 284/STF. CPC, arts. 535, 543-C. Lei 11.941/2009. CTN, art. 151, II e 156, I. Lei 9.703/1998, art. 1º, § 3º, II.

«1. A alegação de violação ao art. 535, do CPC, desenvolvida sobre fundamentação genérica chama a aplicação da Súmula 284/STF: «É inadmissível o recurso extraordinário, quando a deficiência na sua fundamentação não permitir a exata compreensão da controvérsia». 2. A possibilidade de aplicação da remissão/anistia instituída pelo art. 1º, § 3º, da Lei 11.941/2009, aos créditos tributários objeto de ação judicial já transitada em julgado foi decidida p... (Continua)

Referência(s):
Recurso especial repetitivo (Jurisprudência)
Tributário (Jurisprudência)
Recurso representativo da controvérsia (Jurisprudência)
Parcelamento (v. Tributário) (Jurisprudência)
Pagamento à vista (v. Tributário) (Jurisprudência)
Remissão (v. Tributário) (Jurisprudência)
Anistia (v. Tributário) (Jurisprudência)
Depósito judicial (v. Tributário) (Jurisprudência)
Juros (Jurisprudência)
Juros de mora (Jurisprudência)
Juros moratórios (Jurisprudência)
Crédito tributário (v. Tributário) (Jurisprudência)
Súmula 284/STF (Recurso extraordinário. Fundamentação deficiente. CPC, art. 541. Lei 8.038/90, art. 26).
CPC, art. 535
CPC, art. 543-C
Lei 11.941/2009, art. 9 (Legislação)
CTN, art. 151, II
CTN, art. 156, I
Lei 9.703/1998, art. 1º, § 3º, II (Legislação)
Opções

(DOC. LEGJUR 138.6013.4001.1300)

100 - STJ. Agravo nos embargos declaratórios no agravo de instrumento. Diferença de correção monetária. Depósito judicial. Expurgos inflacionários.

«1. A hipótese dos autos trata da incidência dos expurgos inflacionários em depósito judicial, não guardando qualquer semelhança com a matéria discutida nos processos em trâmite no STF (RE 591.797/SP e 626.307/SP, relator o Min. Dias Toffoli; e do AI 754.745/SP, relator o Min. Gilmar Mendes), ou seja, expurgos inflacionários em caderneta de poupança. 2. Agravo não provido.»

Opções
  • Pagina: 1 de 7

Redes Sociais



LEGJUR.COM - Vade Mécum Digital 2005-2014 © Todos os direitos reservados.